DESTAQUES


PROFESSOR/A, NÃO VOTE EM TRAIDOR/A

11/11/2020

No dia 15 de novembro, não dê seu voto para quem votará contra você!

“O opressor não seria tão forte se não tivesse cúmplices entre os próprios oprimidos”. Essa frase é do ano de 1949 e foi escrita por Simone de Beauvoir, mas que se encaixa plenamente na situação pela qual passamos.

Em uma democracia eleitoral, a única arma que temos é o voto direto, com a consciência de que não podemos eleger candidatos/as que pertencem a partidos que apoiaram absolutamente todo o desmonte e são também responsáveis, assim como o governo Bolsonaro, por todo calvário que hoje assola nosso cotidiano de vida funcional e pessoal.

O presidente da República tem uma base de deputados/as estaduais, federais e senadores/as que dão “carta branca” para o massacre do funcionalismo público promovido por esse projeto político em curso no nosso país, e que chega até você, no município de Fortaleza. Esses/as deputados/as e senadores/as, por sua vez, mantêm suas relações políticas em todos os municípios do Ceará e, principalmente, em nossa cidade, capital do Estado. E são exatamente os/as candidatos/as às eleições municipais que baterão em sua porta pedindo o seu voto no dia 15 de novembro, para depois virar sua artilharia para nós mesmos/as, com medidas que vão piorar ainda mais as nossas condições futuras, especificamente a Reforma Administrativa, que visa o desmonte dos serviços públicos e a extinção dos/as servidores/as.

É preciso que saiamos em campo, identificando cada um/a deles/as e não apenas não votar nesses/as inimigos/as dos/as servidores/as, MAS ALERTANDO A TODOS/AS QUE NÃO VOTEM, pois certamente, irão apoiar e adotar medidas do interesse daqueles que concentram toda a riqueza do nosso país e que irão contra à democracia, à valorização dos/as trabalhadores/as. Preste atenção em quem esses/as candidatos/as a prefeito/a e vereador/a estão ligados/as, seus partidos político, seus interesses. Investigue o que fizeram ao longo desse tempo em defesa dos serviços públicos e daqueles/as que carregam nas costas a educação pública do nosso município, professores/as

comprometidos com a defesa de um ensino de qualidade para aqueles/as esquecidos/as pelo Poder Público e que têm seus direitos cidadãos negados sistematicamente.

Os partidos com deputados/as, senadores/as que nos prejudicam na Câmara e no Senado são os mesmos que aliam ao governo Bolsonaro contra nós. TEMOS LADO, e nosso lado é o de quem não apenas luta por salário, mas também pelo fim das desigualdades, pôr uma educação pública de qualidade, pelo acesso à saúde, segurança, moradia.

Você não pode, de maneira alguma, votar em que votou a favor da Reforma da Previdência e que certamente votarão pelo FIM DO SEU EMPREGO E SALÁRIO, ATRAVÉS DA REFORMA ADMINISTRATIVA. É sua carreira, como servidor/a concursado, o sustento de sua família, a escola e a saúde pública que estão em jogo.

Por fim, conclamamos o compromisso com a decisão em assembleia de votar em professor/a, buscando a eleição de uma bancada da educação na Câmara Municipal.

QUEM VOTOU CONTRA VOCÊ NA REFORMA DA PREVIDÊNCIA, VOTARÁ TAMBÉM PELO FIM DO SEU EMPREGO NA REFORMA ADMINSITRATIVA

Veja como votaram os principais partidos na Reforma da Previdência

 

 

PARTIDOS QUE VOTARAM EM FAVOR DOS/AS SERVIDORES/AS

PT (13), PSOL (50) e PCdoB

(65)

PARTIDOS QUE VOTARAM CONTRA OS/AS SERVIDORES/AS

PSL   (17),   PSDB   (45), DEM

(25),   REPUBLICANOS,  MDB

(15),  PSD  (55),  PP  (11), PSC

(20),  NOVO  (30), PATRIOTA

(51) e SOLIDARIEDADE (77)

PARTIDOS QUE FICARAM DIVIDIDOS NA VOTAÇÃO

 

PDT (12) e PSB (40) e PROS (90)

 

 

 

 

 

ANA CRISTINA GUILHERME

Presidenta do SINDIUTE

 

Baixe a carta aqui


Mais notícias...

Compartilhar com:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!




SINDIUTE nas redes sociais